1ª Fase, OAB

Língua portuguesa e resposta a questões objetivas no Exame da OAB

24/06/2020 Por Equipe de Conteúdos CEISC

Compartilhe

A prova da OAB, especialmente na primeira fase, gera ansiedade aos examinados por vários motivos. Um deles é a quantidade de questões e áreas do Direito que são cobradas na avaliação; o outro é o tempo que pode ser exíguo para dar conta de tudo o que é questionado; e ainda há o receio de não conseguir interpretar o que está sendo solicitado, seja por não haver compreensão do enunciado ou por não dominar o sentido de termos que podem constar na redação tanto das alternativas quanto dos casos hipotéticos que dão origem às perguntas.

Considerando esse último fator que pode obstar a resolução de questões, preparamos este material, que tem o objetivo de mostrar o quanto a língua portuguesa e o seu domínio podem ser úteis para a resolução de questões objetivas da prova do exame da OAB. A proposta consiste em mostrar ao futuro advogado o quanto conhecer o idioma e usá-lo como meio para interpretar textos é fundamental para um bom desempenho em qualquer prova.

Se você está vivenciando o desafio de aprovação na prova da OAB e está certo de que o estudo é meio para atingir o seu objetivo, é hora de observar estratégias que selecionamos para você conhecer o estilo das questões e como usar a língua portuguesa a seu favor no dia do exame.

Amplie o seu repertório vocabular, observando termos técnicos do Direito e termos comuns que são recorrentes na apresentação de casos.

Você já deve ter visto ou lido, por exemplo, que, em uma investigação sobre organização criminosa, é preciso desvendar o modus operandi do grupo. Modus operandi: esta expressão latina é comum nos textos jurídicos e significa a forma como dada ação é executada. Você também perceber que de cujus aparece em muitos casos que envolvem Direito sucessório e precisa saber que o termo remete à pessoa falecida.

Saber expressões latinas e outros termos da língua portuguesa é uma competência que não pode ser prescindida durante a sua preparação. Isso mesmo: o ato de prescindir o estudo de vocabulário é ação contrária a quem quer uma excelente preparação.

Conheça o estilo e a estrutura as questões objetivas da prova elaborada pela FGV

Ao participar da prova do exame da OAB, é essencial dominar o tipo de questão que você precisará responder. Lembre-se de que a maioria das questões da prova segue um padrão de composição. Este padrão pode ser resumido com o seguinte esquema:

Estude a estrutura da pergunta, procurando detectar as informações cruciais para a resolução de cada questão

A língua portuguesa é o meio para a ilustração de casos e perguntas na prova e ela propicia a leitura adequada do que está sendo questionado. Nesse caso, devem ser unidas duas habilidades, a de análise linguística e de interpretação de texto para compreender a pergunta. Para isso ficar claro ao examinando, elaboramos um “mapa da pergunta”, que é uma estrutura recorrente das questões objetivas da FGV na prova da OAB. Veja:

Se você ficou interessado em saber mais como a língua portuguesa lhe pode ser útil para responder questões objetivas da prova da OAB, conheça nossos preparatórios para a primeira fase do Exame de Ordem. Nos cursos extensivos e de resolução de questões apresentamos outros temas e dicas para uma melhor performance na resolução de questões objetivas.

    Leave Your Comment Here

    Close Bitnami banner
    Bitnami